CONHEÇA NOSSAS CERVEJAS

Conheça nossas cervejas ............................ Tira dúvidas .. 1 .. 2 .. 3 .................... Adquira seu Equipamento ............................ Fórum

Como usar seu KEG .. 1 .. 2 .. 3 .. 4 .. 5 .. 6 .. 7 ............ Calcule seu Priming ................ Processo Cervejeiro .. 0 .. 1 .. 2 .. 3 .. 4 .. 5 .. 6 .. 7 .. 8

............................ Encomende seus Kits e Copos ............................

sexta-feira, 1 de fevereiro de 2013

Cerveja no Barril 6

Como eu havia prometido fecharei finalmente o tratado sobre barris de cerveja com uma postagem muito interessante que mostrará a vocês como reutilizar seu KEG de cinco litros, isso mesmo, aquele barrilete legal que você adorou quando comprou mas que acabou rapidinho e que infelizmente você não consegue reutilizar ou porque acha que não tem como sanitizar, ou não sabe como botar cerveja lá dentro novamente, ou não tem como carbonatar a cerveja que colocou lá, ou a cerveja que você colocou nele contaminou entre outras razões. Também pode ser pelo fato de que você não está afim de comprar kits importados que precisam de uma parafernália de cilindrinhos, braçadeiras e presilhas.

Independentemente de qual seja a razão: "Seus problemas acabaram!"

Claro que é brincadeira. Nada é tão fácil assim, sempre há algo a ser feito, mas o mais importante é saber como e por onde começar, por isso vamos ao trabalho.

Como de costume vou logo avisando, se você não quer ter trabalho pare sua leitura aqui mesmo, vá ao supermercado mais próximo onde possa encontrar um barrilete de cerveja comercial, compre quantos desejar (ou puder) e divirta-se, pois para poder usufruir de sua própria cerveja em um KEG de 5 litros (em méida custa R$ 40,00, você bebe a cerveja comercial dele uma vez e depois usa por bastante tempo) terá que trabalhar um pouquinho, mas você verá que levar um barril de cinco litros de IPA em uma festa e ainda tirar onda de que foi você quem fez aquela maravilha de cerveja que está jorrando do KEG não tem preço.

Ensinarei aqui como reaproveitar o KEG e a carbonatar a cerveja de 03 formas diferentes.

Pontos? Então mãos à obra:

Você precisará de:

Peças
Na ordem da esquerda para a direita e de cima para baixo:
02 metros de mangueira cristal de 1/4" atóxica
01 Barrilete de cinco litros vazio e despressurizado (***)
30 cm de tubo de cobre de 3/8"
08 cm mangueira cristal de 3/8"
01 cotovelo 90 com rosca interna em uma extremidade e externa na outra
01 bico de mangueira de 1/4"
01 prensa tubos de 3/8"
01 bico de mangueira de 5/16"
01 "T" de 3/8"
01 Rolha de borracha especial para KEG de 05 litros (peça a sua aqui pelo Blog)
01 torneirinha picknic

(***) Coloco aqui o barrilete de Heineken, pois explicarei como retirar a alça verde e a abrir a válvula superior para remover seu sifão. Entretanto, o barrilete de Heineken é o pior modelo para reuso por várias razões, as quais explicarei mais à frente.

Optei por peças de latão e pelo tubo de cobre pois são mais fáceis de encontrar, mas vocês podem escolher outro material como o inox ou até plástico. Tome somente o cuidado de utilizar somente peças de plástico alimentício.

Os oito centímetros de mangueira cristal de 3/8" são opcionais, porém facilitam o ajuste fino nos diferentes tipos de barrilete. Caso você decida näo utilizar esse componente lembre somente de aumentar o tubo de cobre em 08 cm para que não fique curto demais e o impeça de extrair toda cerveja de dentro do barrilete.

Ferramentas e Material
01 Alicate universal
02 Chaves de fenda grandes
01 Chave inglesa
01 Rolinho de veda roscas

Só isso Breda???? Tem certeza????

Pois é, só isso, tenho certeza sim! Salvo uma pequena exceção que vocês verão mais à frente.










Aqui farei um parênteses para explicar o porque julgo o barrilete de Heineken o pior para ser reutilizado, embora alguns possam achar que isso seja óbvio, não é, logicamente o que é fácil de ser percebido é que esse barrilete possui um cilindro de CO2 (ou bala para alguns) em seu interior e que para ser retirado demanda a inutilização do barrilete, pelo menos em se tratando de reuso para cerveja, e que se mantido lá dentro gera um ponto de contaminação absurdo para nós que não filtramos nossa bebida.

O que muita gente não sabe é que o orifício superior desse barrilete é "fora de padrão", ou seja, é diferente de todos os outros, além de maior tem a alma virada para fora, o que dificulta, e muito, sua pressurização, contudo não é impossível reutilizá-lo, OK, só lhe dará mais trabalho e aumentará seu risco de contaminação.

Caso você opte por um barrilete Heineken

Retiraremos a alça verde do barrilete. Nesse momento será necessário que seja retirada, porém se você desejar pode recolocar a alça posteriormente, eu prefiro sem.

Passe uma chave de fendas por cima e por dentro da alça abrindo uma fresta, depois insira a outra chave por baixo, assim você poderá fazer uma alavanca para remover sem esforço a alça, qualquer pessoa consegue, não precisa ser forte para isso.

Force a chave que está em cima para baixo e a que está em baixo para cima como se fossem uma única barra, apoie ambas no suporte da válvula da alça (aquela parte arredondada por onde passa o extrator da Heineken que vem com o barrilete).


Pronto, sem esforço, sem stress e o melhor, quase sem danificar a alça, "quase", pois ficam uma marquinhas mais claras ao forçar o plástico, porém sem nenhum dano funcional. Você poderá utilizá-la novamente sem problemas.

Agora vamos retirar o sifão, mas antes se certifique de que o barril está despressurizado, caso contrário você poderá se ferir gravemente. Utilize a válvula extratora própria para esvaziar o barrilete antes de começar a remoção do sifão.


Após certificar-se de que não há pressão no barrilete, com uma chave de fendas apoiada em sua lateral insira a ponta o mais fundo que puder sob a emenda da válvula de alumínio e vá girando 90 graus a chave. Isso fará pequenos rasgos na válvula como se fosse um abridor de latas. Tenha cuidado para não ferir o barrilete, destrua somente a válvula de alumínio.


Faça isso por toda a volta deixando a válvula completamente desconectada do barrilete.
ATENÇÃO: embora esteja desconectada ela ainda não estará solta.



Depois de virar a válvula toda para cima como na figura anterior, utilize o alicate para puxá-la para fora. Nesse momento será necessário um pouco mais de força, nada demais, fique tranquilo, um ou dois puxões e ela estará fora.



Observe que o orifício do barril está intacto sem nenhum amassado. Isso é muito importante, pois esse barril já é bem difícil de ser reutilizado adequadamente, isto é, sem durepóxi, sem aralditr ou válvulas inadequadas; e se você danificar essa borda será muito difícil vedar o barrilete para pressurizá-lo posteriormente, o que, diga-se de passagem, já é difícil mesmo sem danificá-lo.

Certo, até aqui estamos somente abrindo o barrilete da Heineken.


Caso você opte por outro barrilete

Se você escolheu outro modelo, por exemplo da Warsteiner, da Itaipava, da Petra, da Paulaner ou outro qualquer que não seja pressurizado, basta remover aquela tampa de borracha preta (ou de outra cor) que fica no centro na parte superior do barrilete. Como fazer? Simples.

Com as duas chaves de fenda faça o mesmo que orientei acima a fazer com a de alumínio, porém vá com ambas as chaves para não permitir que a tampa retorne à posição normal quando você for deslocar a alavanca, vá girando com uma e segurando com a outra até soltar a volta toda, é bem fácil também.

Melhor ainda, se você resolveu comprar um barrilete vazio por aí, MEUS PARABÉNS! Essa é minha sugestão de melhor escolha e mínimo esforço.

Vamos à montagem e no final explicarei novamente como utilizar todo o aparato com o da Heineken, mas tenho quase certeza de que vocês farão luminárias com os verdinhos depois disso.

No meu caso utilizei um barrilete sem cilindro interno e o pintei para que fique com a minha identidade visual. Vocês podem fazer o mesmo, pois não fica nada legal você aparecer numa festa carregando um barrilete de Crystal ou de Paulaner dizendo que é a sua cerveja, certo???? O meu ficou assim:

Barrilete do Breda®

Válvula Extratora B&R® para KEG de 05 litros
Montaremos agora as peças para construir uma válvula extratora para o nosso KEG de 05 litros. Antes há um pequeno macete. Dificilmente você encontrará uma conexão de mangueira de 3/8" com diâmetro interno que possibilite a passagem do tubo livremente, caso encontre ótimo, eu encontrei, caso não encontre use uma furadeira e uma broca para abrir o furo dessa peça de forma que o tubo possa ser passado por dentro dela. Como é uma exceção, furadeira e broca não fazem parte da lista de materiais. Pegue todas as peças de latão e coloque nas roscas externas o famigerado veda roscas dando pelo menos umas dez voltas em cada peça.
ATENÇÃO:  PRENSA TUBOS NÃO PRECISA DE VEDA ROSCAS.

Feito isso você deve montar as peças no tubo de cobre na ordem correta para não precisar desmontar o tempo todo, pois caso precise desmontar alguma peça terá que refazer o veda roscas dela para evitar vazamentos.


Aperte bem as peças rosqueando ao máximo para que não haja vazamentos. Utilize a chave inglesa e o alicate para esta tarefa (se tiver uma morsa em casa, melhor ainda). Depois de montada sua Válvula Extratora B&R® para KEG de 05 litros ficará assim:



Agora basta conectar a mangueira e a torneirinha picknic e pronto, não necessita nem de braçadeiras.

Válvula Extratora B&R® para KEG de 05 litros

Já temos a extratora pronta e o barril, mas como faço para colocar minha cerveja lá dentro Breda?

Vamos ao processo de enchimento e carbonatação da cerveja no seu novo equipamento para transporte e consumo. Como disse no capítulo anterior - no final da postagem Cerveja no Barril 5  a partir de hoje "A forma como você leva sua cerveja em festas e eventos por aí ou mesmo como a armazena em sua casa nunca mais será a mesma".

Você deverá:
1. Sanitizar o Barrilete com seu sanitizante preferido.
Como de costume sugiro a utilização de ácido peracético, pois não ataca o verniz de proteção do barril. Não sei informar se os demais produtos utilizados para sanitização são agressivos ao verniz, portanto façam seus testes e compartilhem conosco suas experiências e resultados enviando e-mail ou postando seus comentários aqui no Blog.

2. Encher seu Barrilete com cerveja.
Aqui darei três alternativas começando pela mais simples:

a. Fazer Priming
Como o barril tem capacidade para cinco litros de cerveja tenha o cuidado de não ultrapassar esse limite, pois você poderá ter problemas de pressão, já que o material do recipiente é muito fino, tem uma costura lateral, tem tampa e fundo colados e não suportará pressões acima das indicadas para um KEG, por isso capriche no volume e utilize a calculadora para fazer um priming adequado e não estragar todo seu esforço por uma falta de atenção aos detalhes.

Além disso, há uma válvula própria para barrilete com aliviador de pressão que pode ser adquirida aqui pelo Blog, contudo já adianto que o valor é alto, o controle não é preciso e o poduto é importado o que significa que seu prazo de entrega é longo.

Coloque a cerveja no barrilete deixando um espaço de 20% como headspace (obrigatório), despeje o priming calculado, feche o barrilete com a rolha de borracha apropriada e proceda como nas garrafas; deixe o barrilzinho por 10 dias à temperatura de fermentação de sua cerveja (ou à temperatura ambiente se você não tiver termostato para controle na sua geladeira/freezer), verifique a carbonatação a partir do sétimo dia e, estando ao seu gosto, gele o barril.  

b. Carbonatação Forçada
Uma alternativa muito simples, principalmente se você já tem o hábito de carbonatar suas cervejas em Barris ou postmix. A única diferença aqui é que não temos um sistema de pressurização sofisticado como o de uma extratora KEG, mas o bacana é que o negócio é tão simples que chega a ser cômico. Tudo bem, vão dizer que não é adequado porque o CO2 pode estourar o barrilete, que esse recipiente não deve ser reutilizado, que blá blá blá blá blá, mais uma vez, se fosse fácil esses "gênios" já teriam feito algo e estariam se gabando por aí, por isso experimente e se você achar que não ficou legal, não faça mais, temos outras duas formas de carbonatação pra você escolher. MAS CUIDADO!!!! Na dúvida não ultrapasse o limite dos 70% do máximo indicado no barrilete.

ATENÇÃO: Cuidado com a pressão que irá colocar no manômetro do seu cilindro de CO2 e que estará inserindo no KEG, pois como dito anteriormente esse recipiente tem paredes finas e uma solda lateral, por isso se você exagerar na pressão pode abrir seu barril lateralmente e estragar tudo, isso se não se machucar ou machucar alguém que esteja por perto, portanto, se não sabe utilizar equipamento de CO2 prefira o procedimento a. Fazer Priming e observe atentamente os cuidados expostos naquele item.

Lembrando que você deverá efetuar quatro injeções de CO2 de 05 minutos por dia por quatro dias. Isso será suficiente para que sua cerveja esteja adequadamente carbonatada sem nenhuma necessidade de chacoalhar o barrilete. Se quiser chacoalhar, OK, mas nunca diga que foi recomendação minha. Caso não consiga fazer as 4 injeções por dia use a referência de 16 injeções, sempre na pressão recomendada para o estilo e que não ultrapasse o limite admitido para o barrilete. Utilize a calculadora de carbonatação para saber qual a pressão ideal a ser utilizada.
c. Enchendo com Contra pressão

Logicamente essa é minha sugestão de melhor escolha, pois realmente é a melhor escolha. Outra vez muito simples, somente atente para que aqui você precisará do sistema de enchimento completo. Para quem já possui e utiliza o Enchedor B&R "GreenFiller nenhuma novidade, para os que ainda não conhecem descreverei o procedimento.

Você colocará sua cerveja no Barril KEG (não o de 05 litros é lógico) ou Postmix e fará a carbonatação normalmente como já explicado nos capítulos anteriores (Ver postagens Cerveja no Barril 1 a 5 aqui mesmo no Breja do Breda).

Assim que sua cerveja estiver pronta para ser envasada você montará seu sistema de enchimento fazendo a substituição do filler (cânula de inox+rolha_válvula)  colocando a adaptação adequada para o diâmetro da entrada do barrilete   Essa é mais uma das vantagens do Enchedor B&R "GreenFiller"® o único enchedor do mercado com o qual você pode encher garrafas de todos os tamanhos, Groulers e agora Barriletes somente mudando uma peça e em seguida procederá o enchimento normalmente como nas garrafas. Após completar os 5 litros do KEG coloque a Tampa de borracha apropriada para MiniKEG. Observe que neste caso não há a necessidade de headspace, você pode encher totalmente seu barrilete!!! :)

Eu particularmente prefiro essa opção, pois além de tudo seu barrilete já está gelado e carbonatado, prontinho para ir à festa e ser degustado por todos.

E como funciona essa Válvula Extratora B&R® para KEG de 05 litros Breda? Simples!

Conecte o cilindro de CO2 ao sistema através da entrada de 1/4" da extratoa. É importante conectar o CO2 antes, pois essa válvula não possui bloqueio de retorno, logo se você não conectar a mangueira de CO2 pode haver vazamento. Cloque a válvula no barrilete e somente depois abra o fluxo de CO2.

Caso você tenha pressão suficiente no barrilete não precisará sequer abrir o cilindro e poderá inclusive tapar a entrada de 1/4" com um pedaço de mangueira (como se fosse a tampa de uma caneta Bic).

Seu sistema ficará assim:

Então basta servir sua cerveja preferida da forma que você desejar, com mais ou menos espuma.

  

German Pils by Breda
Servida do MiniKeg com a Válvula Extratora B&R® para KEG de 05 litros 

"ASSISTA OS VÍDEOS CLICANDO AQUI"

Com essa postagem coloco mais um marco na história da cerveja caseira brasileira, pois até hoje não só não havia um sistema simples para reaproveitarmos adequadamente os KEGs de cinco litros como nada se encontrava em português e voltado às nossas necessidades e práticas, além disso os gringos deixam o cilindro de CO2 dentro do MiniKEG e utilizam durepoxi, araldite etc., embora alguns tenham um sistema parecido, utilizam mais peças e coisas que não encontramos facilmente por aqui.

Adaptação feita e novo produto criado, como sempre o passo a passo está aí, quem quiser pode fazer o seu e quem preferir pode enviar sua encomenda para mhbreda@hotmail.com

Me desculpem pelas fotos, sabem como é celular é celular, nunca chegará a máquina fotogáfica, além disso, servir cerveja e tirar foto ao mesmo tempo é bem complicado, não arranjei um "cristão" pra me ajudar, por isso neste momento não postei um filme do sistema em operação, em alguns dias prometo que o filme estará aqui para que todos possam ver a Válvula Extratora B&R em funcinamento.
Prestigiem e divulguem as informações que disponibilizo aqui no Blog gratuitamente!
Incentivem e valorizem a produção nacional!
Apoiem e apreciem a cerveja caseira e artesanal do Brasil!
Fiquem todos em Paz.

Boas cervejas e lembrem-se que se de hoje em diante encontrar um barrilete com essa válvula em uma festa é sinônimo de cerveja caseira na área e de Breja do Breda na cabeça. 


Saúde!!!

Breda




Ahhhh.... você chegou até aqui, parabéns! Não, eu não esqueci de falar sobre o barrilete de Heineken, somente os perseverantes insistirão em utilizá-lo, mas vamos lá.

Como você pôde observar, há uma borracha de vedação para utilização do sistema, essa peça é fundamental e sem ela ficará complicadíssimo pressurizar os barriletes. Porém, o orifício do minikeg da Heineken é maior que o dos outros, por isso você terá que fazer sua tampa caseira utilizando uma rolha de borracha número 10. Contudo, se não for muito bem feita haverá vazamentos e você não atingirá seu objetivo já que quando se trata de gás qualquer micro furo vaza.

Bom, o perfil da tampa é este:


Ela tem um orifício central de 1/4" por onde passa o tubo sifão e uma contra tampa de pressão para que você possa manter o barril cheio e pressurizado sem a necessidade de estar sempre com o tubo sifão atachado. Portanto, você terá que produzir isso tudo em casa, difícil e trabalhoso, mas não é impossível.
Preparando a tampa de borracha adequadamente basta utilizar o passo a passo e montar a Válvula Extratora B&R® para KEG de 05 litros, pois o restante do sistema funcionará da mesma forma.

Se até aqui você não desistiu do barrilete de Heineken, Boa sorte!

Saúde!!!

Breda

66 comentários:

  1. Ola breda.
    Muito legal o sistema, sera que da certo, ao inves de eu usar cilindro de co2, eu poderia usar aquelas bombas portateis de co2, com cartuchos de 12 ou 16gramas.

    Adriano -sp

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Adriano.
      Pode sim cara, inclusive estou com um filme para postar com as alternativas.
      Abs.,
      Breda

      Excluir
    2. Não encontrei nada no site, alguma novidade sobre usar esse esquema com cartucho de CO2 de 12g ou 16g?

      Usando assim, é possível evitar que entre O2 no keg, não oxidando a cerveja e portanto aumentando sua validade dentro do keg?

      Excluir
  2. Caro companheiro,

    Parabéns por mais esta inovação.
    Indico você ao troféu "fuçador do ano" e também ao prêmio "professor pardal". Sensacional a engenhiosidade, Breda!!!

    Grande abraço!

    Marco Piacentini

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Marcão!!
      Tá sumido hein brother, apareça mais.
      Abração pra você e manda um pro Guilherme também.
      Saúde!!!
      Breda

      Excluir
  3. Fala grande mestre Breda, muito show a postagem, mas sabe o que voce poderia fazer pra gente? Um post Cerveja no Barril 7 com a adaptação do extratos para garrafa pet com equipamentos e peças fáceis de encontrar aqui. Na verdade o seu mesmo já fica perfeito, só encontrar um esquema fácil de fixar na tampa da garrafa PET. Nao sei se já viu o post que tem no grupo aberto da Acerva Paulista, mas tem muita gente (inclusive eu) querendo fazer para usar garrafas PET de 3 litros.
    https://groups.google.com/forum/?hl=pt&fromgroups=#!searchin/acervapaulista/pet/acervapaulista/O4RYDflP4HQ/Y0rKMLHQYSkJ

    Um grande abraço e parabéns pelas criações!
    André Inácio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Como vai André?
      Obrigado pela ótima questão e pela oportunidade de auxiliar os que precisam de idéias baratas e acessíveis.
      Fico feliz em ter resolvido o problema em longos 24 minutos.
      Forte abraço e bom proveito.
      Precisando de algo estou na área.
      Saúde!!!
      Breda

      Excluir
  4. Só não entendi se a tapa de borracha dos barris normais (petra, itaipava, etc) é reutilizada. Como são tampados esses barris?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tudo bem Emilio?
      Olhasó, as tampas desses barris não poderão ser reutilizadas para a extratora, mas vc pode reutiliza-las se optar somente por fazer priming e usar o barrilete por gravidade. Para tampar o barrilete e usar a extratora voce precisara da tampa de borracha própria para barriletes que mostro na última figura desta postagem.
      Forte abraço.
      Saúde!!!
      Breda

      Excluir
  5. Mais uma ótima postagem, Breda!

    Muito obrigado.

    ResponderExcluir
  6. Breda, surgiu uma dúvida...

    ... não acontece formação de zinabre no tubo de cobre?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala Levada.
      Seguinte, a idéia é manter o tubo de cobre na cerveja somente durante a extração, ou seja, você não vai deixar o tubo lá por dias. Além disso '~ao poucos centímetros de tubo reto, logo você tem plenas condições de limpá-lo com um pequeno pedaço de arame e uma bucha amarrada na ponta.
      En'~ao, o zinabre pode se formar, sim, claro, o cobre oxida mesmo, mas a limpeza e sanitização aqui é super tranquila.
      Além disso, há a possibilidade de usar tubo de alumínio ou de inox, a montagem será a mesma.
      Forte abraço.
      Saúde!!!
      Breda

      Excluir
    2. Maravilha, Breda!

      Muito obrigado pelo esclarecimento. Vou passar a guardar os barriletes. Não vejo a hora de fazer uma extratora pra mim.

      Saúde!

      Excluir
    3. É isso ae!
      Abs.,
      Saúde!!!
      Breda

      Excluir
  7. Olá,
    Muito interessante o sistema, mas onde encontro uma rolha de borracha número 10, que é o único travamento para desenvolver o sistema.
    Abraço.

    ResponderExcluir
  8. Breda, segui todos os procedimentos, mas a borrachinha não encontrei de jeito nenhum. Sabe onde posso encontra-la aqui no RJ?


    Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Como vai Lukas?
      A borracha realmente vai ser difícil de achar no Brasil, mas eu vendo se precisar.
      Me envie e-mail para mhbreda@hotmail.com e te passo uma cotação.
      Abs.,
      Breda

      Excluir
  9. Breda parabéns pelo post, muito interessante e explicativo! Me tira uma dúvida, quanto ao Cilindro de CO2 qual o mais indicado para o nosso caso: o de aço ou o de aluminio?

    Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Como vai David?
      Para o uso em cerveja o material do cilindro não faz diferença, o importante é que ele esteja testado e viável para uso sob pressão.
      Muita gente compra cilindro refugado e sem prazo de validade e não sabe o risco que está correndo.
      No mais, o de alumínio é mais leve e se vc vai leva-lo pra todo lado pode ser mais indicado que o de aço.
      Lembrando que estamos falando de CO2.
      Abs.,
      Saúde!!!
      Breda

      Excluir
  10. Breda parabéns pelo post, muito show, vou montar uma em breve, mas me tira uma duvida, a tampa para barril de heineken é feita com uma rolha de borracha de 10 que tenho que moldar, mas e essa contra tampa? é uma outra peça? Abraço!

    ResponderExcluir
  11. Olá mailson.
    Sim, a rolha para minikeg heineken precisa ser moldada.
    A outra tampa serve para barris que não sejam o da heineken, OK. Você pode adquirir essas tampas prontas aqui mesmo pelo blog.
    Basta me enviar mensagem para mhbreda@hotmail.com com seu pedido.
    Forte abraço.
    Breda

    ResponderExcluir
  12. Valeu, Breda! Exatamente o que eu procurava! =)
    Parabéns pelo seu blog, muita coisa interessante!

    Abraço!

    ResponderExcluir
  13. Boa noite Breda! Estou conhecendo seu site hoje e fiquei bastante interessado em tentar montar um esquema desses! Mas eu estou com dúvida em uma coisa: como a carga de CO2 entra no barril para expulsar a cerveja? Desculpa a minha ignorância, mas não consegui vosualizar como o o CO2 que entra no barril para expulsar a cerveja! O cano de cobre não é furado e na minha pobre visão o CO2 não tem por onde sair. É o prensa tubos que faz esse papel? Consegue me dar uma luz divina e explicar como funciona (porque funcionar, ele funciona! Você provou!!!). Abraços!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hehehe, luz divina é boa.
      O negócio é simples, o prensa canos é ligeiramente mais largo que o tubo, o suficiente para passar o gás, mas muito pouco para impedir que o tubo fique solto.
      Funciona sim, e muito bem!
      Boa sorte e boas cervejas.
      Saúde!!!
      Abs.,
      Breda

      Excluir
  14. Breda, fiquei com uma dúvida em relação ao procedimento. Se eu fizer o priming direto no barril, como faço para extrair a cerveja? Posso usar uma bomba de pneu de bicicleta acoplada na entrada do cilindro de CO2 pra gerar a pressão suficiente? Abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Opa, beleza?
      Se fizer o priming, provavelmente boa parte da cerveja sairá com a pressão gerada pela re-fermentação. Pode ser que no final você precise bombear para esgotar e nesse caso poderá sim utilizar a bombinha de bicicleta como fiz na minha extratora.
      Forte abraço.
      Breda

      Excluir
  15. Boa tarde, cara estou pensando em usar o barril para armazenar combustível de aeromodelos, só que eu sei que no interior do barril da Heineken tem uma peça que contem alguma substancia que o mantém gelado, a minha duvida é se eu consigo retirar essa peça que esta no interior pelo orifício de cima ou se é necessário abrir um buraco maior para retirara! Vlw

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Como vai Maico?
      Inusitada sua pergunta, mas pertinente.
      Vamos lá, no interior do minikeg da Heineken há: uma base circular em plástico alimentício branco de 2,0 cm de altura, aproximadamente, 01 cilindro de CO2, 01 tampa para o cilindro com um sistema de sílica (ou outro secante, não tenho certeza) e um tubo plástico que serve de sifão para a cerveja ser retirada pelo topo do barril, além disso a base é colada no fundo com uma espécie de goma alimentícia também.
      Sobre suas perguntas: Não é possível retirá-lo pelo orifício superior, ele tem o diâmetro maior; Você pode remover o cilindro fazendo um furo de pelo menos 46mm no barrilete, escolha o local (eu sugiro que seja no topo do barril, pois é mais resistente).
      Não aconselho usá-lo para este fim que você deseja, pois o combustível pode reagir com as substâncias do interior do barrilete e causar prejuízos ao seu aeromodelo, além de outros problemas imprevisíveis no momento, pois não sei o que pode acontecer com a mistura, há verniz na parte interna da lata e isso pode causar problemas no seu motor, o secante e a cola podem gerar gases em contato com o combustível e pressurizar o barril, sei lá...
      Sugiro que você utilize para isso o bom e velho galão plástico, mas como dizia o Sid Moreira, no final "Você decide!"..
      Espero ter ajudado.
      Forte abraço.
      Breda

      Excluir
  16. Eu conheço os vídeos gringos para reutilização e sua idéia é muito boa, parabéns, principalmente por utilizar o prensa tubos que pra mim resolve tudo, aplicação em chillers também, a minha pergunta é sobre o cilindro branco com sílica ou carvão ativado, não sei direito, é seguro mantê-lo lá dentro? É estanque após o CO2 ter sido liberado pelo refil de gás?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Como vai Péricles?
      Então, seguro pode ser por um tempo, afinal a cerveja holandesa vem com ele lá dentro, porém com o uso e com o tempo ele se solta lá dentro, começa a balançar, tem a capsula superior (plástica) que se solta da balinha de CO2 e por aí vai. Fora que é um ponto tremendo de contaminação para cervejas não filtradas, acumulo de leveduras, propagação de colônias etc.. Não acredito que a sílica vai vazar e contaminar tudo, a menos que o cilindro seja danificado e isso não seria fácil de acontecer sem danificar o barrilete.
      Minha opinião, não é a melhor opção, melhor reutilizar os que não tem nada dentro, já vimos que fazer uma extratora é tranquilo, certo?.
      Abs.,
      Breda

      Excluir
    2. Boa noite Breda !! Parabéns pela postagem.

      Eu tenho uma dúvida, comprei um barril keg de 5 litros e uma válvula (TAMPÃO CINZA COM ALÍVIO PARA MINI KEG) que controla a pressão no keg durante a carbonatação no keg em 2,5 no processo de priming, porém eu não sei como utilizar isso !

      Como devo proceder? Coloco a cerveja a ser carbonatada no barril junto com o priming (açucar necessario) e fecho o barril com a tampa de borracha e depois como faço para colocar a válvula extratora?

      Se puder me ajudar agradeço muito.

      Caso precise segue meu e-mail para contato - lelocustodio@hotmail.com

      Desde já muito obrigado pela atenção.

      Excluir
    3. É só empurrar a parte branca do tampão para dentro do barril com o sifão da própria válvula extratora.
      Abs.,
      Breda

      Excluir
  17. Olá parabéns pela iniciativa, ficou muito bom este passo a passo. saberia me informar se tem como adaptar no barril da heineken, um destes:
    http://loja.weconsultoria.com.br/party-star-valvula-extratora-para-mini-keg-p266/

    Desde já agradeço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Como vai?
      Obrigado pelo comentário.
      Essa válvula não se adapta aos barris de Heineken pelo fato de que a borracha de vedação, necessária para a colocação da válvula, não serve nesses barris.
      Abs.,
      Breda

      Excluir
  18. Desculpe minha ignorância... Mas as minhas dúvidas são:

    Existe alguma abertura no tubo de cobre quando ele passa pelo "T"?

    caso negativo, como se consegue injetar o CO2 para dentro do Keg, se não há esta abertura?

    Agradeço a sua ajuda.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    2. Robson.
      Precisa criar um canal capilar na conexão, não no tudo. OK?
      Abs.,
      Breda

      Excluir
  19. Olá Breda tentei comprar as peças numa loja de refrigeração e tinha todas mas com dois problemas, o tubo de cobre de 3\8 não passa no prensa tubo e nem no bico de mangueira, falei sobre desbastar com a broca conforme você comentou e o cara me informou que se eu desbastar o prensa tubo a anilha não vedará deixando escapar o CO2 por cima e a peça da mangueira tem pouco material para desbastar, ele me sugeriu colocar um prensa tubo de 1\2 fazer um corte depois do prensa tubo e solda num tubo de cobre de 5\16 para passar pelo bico da mangueira, fiquei bolado pois acho que o 5\16 não ficará emprensado na rolha do barril, pelo que entendi tem que ser de 3\8 e aí é que fica minha dúvida, compro tudo na loja como você explicou tento desbastar o prensa tubo e o bico de mangueira ou tem algo errado??? Se puder me mandar um vídeo com a montagem ficarei muito agradecido, pois achei muito interessante, desde já agradeço, meu email caso possa mandar o vídeo da montagem : maximusgsi@hotmail.com. Obrigado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala meu amigo. Tudo bem?
      Olha só, as peças são essas mesmo, não vai na onda de trocar, pois o cara que te falou isso não sabe para o que vc quer as peças, no sentido de conhecimento.
      Terá que abrir sim os diâmetros com broca mesmo.
      O bico de 5/16 é suficiente, fique tranquilo.
      Abs.,
      Breda.

      Excluir
  20. Me chamo Henrique e minha dúvida é mais simples, veja se pode me ajudar: Tenho uma chopeira eletrica Fun Kitchen que já vem com acessórios para serem usadas nos barris universais (itaipava, petra, etc). Comprei um barril da Petra e, ao tentar abrir a tampa superior pra encaixar o tubo que vem com a chopeira, fiquei em dúvida se posso destruir a tampa que fica abaixo da válvula que controla a pressão do barril. E mais: vou poder reutilizar o barril com meus acessórios e com a cerveja que eu quiser? Obrigado e parabéns pelo blog. Show

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Henrique.
      Sua dúvida não é tão simples, ara responder preciso de fotos, pois não conheço os acessórios de adaptação da fun kitchen.
      O que posso te adiantar é que se você retirar a válvula superior do barril e não houver nessas peças uma borracha de vedação que seja padrão e se adapte ao barril você terá problemas em usa-lo na choppeira.
      Sobre reutilizar o barril, a mesma observação é cabível, você pode reutilizar o barril sim, mas vai precisar da borracha de vedação.
      A borracha a que me refiro é a tampa cinza que você pode ver aqui na postagem, em uma das fotos acima (a última na verdade).
      Caso queira me enviar os detalhes das peças e a foto da válvula do barril que pretende retirar (ou já retirou) envie e-mail para mhbreda@hotmail.com.
      Abs.,
      Breda

      Excluir
  21. Excelente postagem, parabéns mesmo!
    Eu cheguei aqui pq queria usar o barril da Heineken, mas achei a desculpa perfeita pra comprar um barril da Paulaner :)

    Cara, os componentes pra montar a Válvula Extratora B&R® para KEG de 05 litros, onde consigo encontrar? Que tipo de de loja?
    Desculpe se a pergunta parece idiota, mas estou começando agora com cerveja artesanal e principalmente nesse mundo de montagem de equipamento.

    Obrigado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, tudo bem Neto?
      Você encontra em lojas que vendem peças para instalações de GLP (gás de cozinha).
      Lembre-se que nenhuma pergunta é idiota.
      Idiotice é deixar de fazê-la e ficar com a dúvida.
      Boa sorte!!!
      Abs.,
      Breda

      Excluir
  22. Boa tarde Breda!

    Sou um grande fã da tua iniciativa de compartilhar todo teu conhecimento e das tuas experiências cervejeiras!
    Estava lendo o artigo sobre embarrilamento em KEG de 5L e fiquei com dúvida em como fazer a carbonação forçada.Tu utiliza a própria válvula extratora pra fazer isso?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim. Utilizo.
      Tenha cuidado somente com a pressão, pois o MiniKeg tem a costura frágil.
      Abs.,
      Breda

      Excluir
  23. Olá colega. vendo todo esse trabalho, desisto de reutilizar os barriletes de heineken.
    Minha dúvida é a seguinte: os barriletes virgens, encontrados nos sites especializados, aceitam perfeitamente essa rolha de borracha (aquela da imagem) ou preciso fazer alguma adaptação?

    Muito obrigado por compartilhar suas experiências! Abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meu caro, SIM, a rolha é utilizada nesses barriletes que são vendidos para envase.
      Abs.,
      Breda

      Excluir
    2. Meu caro, SIM, a rolha é utilizada nesses barriletes que são vendidos para envase.
      Abs.,
      Breda

      Excluir
  24. Olá Breda,

    Estou com um pouco de dificuldade para discernir as conexões, abaixo eu relaciono com comentário cada 1 das dificuldades que estou encontrando:

    01 cotovelo 90 com rosca interna em uma extremidade e externa na outra -> ( qual a medida da rosca do cotovelo?)
    01 bico de mangueira de 1/4" (a medida de 1/4" é para rosca ou para o bico?)
    01 prensa tubos de 3/8" (prensa de tubos é o que o pessoal chama de anilha?)
    01 bico de mangueira de 5/16" (a medida de 5/16" é para rosca ou para o bico?)

    Se você conseguir me guiar nessas perguntas, fico bastante agradecido! Uma coisa, vc tem algum link que mostra o funcionamento do enchedor B&R "GreenFiller"®

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá. Tudo bem?
      Vejamos:
      Cotovelo de 5/16"
      Esse de 1/4" é para o espigão (parte onde encaixa a mangueira do CO2) a rosca é de 5/16" pois vai acoplada ao cotovelo, OK.
      Anilha? Não sei se é o mesmo não. Qualquer loja de conexões para GLP usa prensa tubos e vende por esse nome, mas de repente o nome técnico é anilha. Leve uma imagem da peça que o vendedor saberá o que você precisa.
      O bico de mangueira de 5/16" é o que irá acoplado ao MiniKeg, portanto, nesse caso 5/16" é tanto para o espigão quanto para a rosca.
      Sobre o enchedor, na própria página há um vídeo do envasamento. Segue aqui o link: http://brejadobreda.blogspot.com.br/p/3-enchedor-de-garrafas-b.html
      Boas cervejas.
      Saúde!!!
      Breda

      Excluir
  25. Comprando aqueles mini kegs de 5 L que vendem em lojas como we lamas consigo utilizar essa extratora passando pelo TAMPÃO CINZA COM ALÍVIO PARA MINI KEG??
    Ou o diametro do tudo de cobre não será adequado?
    Outra dúvida, na hora de carbonatar, qual seria a pressão para não danificar o barril?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Opa, Beleza?
      É para essa tampa mesmo.
      Pressão, 2,5kgf, porém, isso serve para barris novos, sem defeito e sem oxidação na costura. Se o barrilete apresentar amassados, oxidações ou qualquer outro defeito não há como te dizer que pressão ele vai suportar.
      O mais adequado é você pedir a especificação do produto para a empresa que o vende para você, eles tem que te enviar uma ficha técnica do produto onde conste a pressão máxima de serviço suportada pelo barrilete.
      Boa Sorte!
      Abs.,
      Breda

      Excluir
  26. olá Breda. muito bom seu site, você está de parabéns.
    Faço a carbonatação no minikeg com primming. Posso utilizar esta extratora também?
    Outra dúvida, a extratora terá que ficar encaixada no keg até que avabe a cerveja, certo?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Paulão, como vai?
      Obrigado pelos elogios e pelo contato.
      Sim, você pode fazer primming para carbonatar a cerveja e depois utilizar a bomba para extração, sem problemas.
      Sobre manter a válvula no barrilete até que a cerveja acabe, sim, é necessário, pois o funcionamento da borracha de vedação não permite que você retire a válvula devido ao fato de que ao colocá-la você empurra para dentro do barrilete a rolha plástica que veda o orifício central da rolha, assim, não é possível recolocar a rolha, logo, se você tirar a válvula sem que a cerveja tenha acabado, o liquido que restar no barrilete perderá o CO2.
      A única alternativa viável que visualizo seria você ter outra tampa de borracha completa com a rolha plástica e remover a que está no barrilete colocando a outra tampa completa no lugar.
      Além disso, sugiro que consuma toda a cerveja mesmo, pois ela entrará em contato com O2 e oxidará dentro do barrilete após o uso da bomba, salvo de vc fizer a adaptação para CO2.
      Boa sorte.
      Abs.,
      Breda

      Excluir
  27. Olá Breda,

    Desculpe a ignorância, mas eu não entendo muita coisa sobre fazer cervejas artesanais, mas gosto muito de bebê-las (kkkk), e nesta black friday me empolguei e comprei uma Chopeira Elétrica Fun Kitchen (igual à BenMax). Comprei também 2 kegs de 5 litros "reutilizáveis", iguais ao seus na WEconsultoria, alguns cartuchos de CO2 e as tampas de borracha, uma até com sistema de alívio de pressão.
    Até aí tudo bem... A minha intenção é encher os kegs com uma cerveja artesanal tradicional daqui do ES, Altezza, mas também eventualmente encher com chopp comercial (brahma, ashby, etc) ou até mesmo cervejas comuns (Stela, Bud, etc).
    A minha dúvida é:
    Se encher o keg manualmente, com funil e sem uso de equipamento especial, vedando com a tampa, a cerveja oxida ou choca)?
    Mesmo a chopeira tendo sistema extrator com CO2 ?

    Como fazer a higienização (se diz sanitização ???) dos barris depois do uso? A WEconsultoria recomenda NÃO utilizar Ácido peracético nem água fervente.

    Valeu !!!

    ResponderExcluir
  28. Olá Wellyton.
    Como vai?
    Rapaz, colocar cervejas de garrafa no barril para armazenar normalmente fica ruim, perde carbonatação, pode sim oxidar e sugiro que as beba como são vendidas mesmo, ou seja, na garrafa.
    Sobre colocar as artesanais no barrilete, sem nenhum problema se for enchido na cervejaria de forma adequada.
    Sobre sanitização, se o vendedor o orientou não utilizar o peracético deve haver alguma razão relacionada ao material do berrilete.
    Utilizamos sempre o ácido peracético por ser o mais eficiente sanitizante. Na dosagem correta ele não deveria agredir seu barrilete, mas essa informação deve mesmo ser fornecida pelo vendedor.
    Outros sanitizantes que você pode utilizar são o Iodofor ou o Álcool 70, mas não gosto de recomendar nenhum deles por necessitar de enxágue.
    Boa sorte com sua choppeira e com suas cervejas.
    Forte abraço.
    Breda

    ResponderExcluir
  29. só mais uma dúvida, Breda.
    qto ao tubo de cobre: rígido ou semi-flexivel?
    estou com dificuldades para achar rígido 3/8"

    ResponderExcluir
  30. Pois é Breda,
    Sobre colocar as artesanais no barrilete, sem nenhum problema se for enchido na cervejaria de forma adequada.
    O problema é que eu fui numa loja, Casa do Cervejeiro, e o vendedor e aparentemente dono da loja, tem uma máquina de chopp profissional e me disse que ele me vende o líquido, enchendo o meu barrilete direto pelo bico da chopeira dele, sem contra-pressão porque ele não tem máquiana especial, pois o bico é menor do que a entrada do barril, ou seja, vai entrar ar junto. Achei estranho, por isso perguntei sobre a oxidação...
    Então eu pergunto, será que enchendo desse jeito, direto do bico da chopeira, pode oxidar e ficar choco?
    Tem alguma maneira de evitar? Vi em tópico aqui que, se jogar CO2 dentro do barrilete antes evita isso...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Wellyton, como vai?
      O procedimento de encher direto da choppeira de um bar ou loja funciona bem também, porém, como mencionado, será envasado sem contrapressão, ou seja, SIM, haverá contato com oxigênio.
      Essa é a forma que enchemos growlers tanto na cervejaria como no PUB aqui.
      Isso não causa problemas se o consumo for no mesmo dia ou logo no dia seguinte e para mitigar a possibilidade de oxidação o recipiente deve ser enchido até derramar líquido não restando headspace nem espuma dentro dele.
      Porém, se for para armazenar por alguns dias, não recomendo.
      O hábito de se levar um growler ou um barrilete a um bar ou loja que realiza esse serviço de enche-los para os clientes é algo que se costuma fazer para um consumo imediato, ou seja, não é com o objetivo de armazenamento, ou não deveria ser.
      Portanto, se vai guardar cerveja por um tempo, procure envasar em uma cervejaria que faça isso em barriletes ou em um local onde haja a opção de envase com contrapressão.
      Você pode também fazer sua cerveja e colocar no barrilete e carbonatar com CO2 forçado ou até fazer primming, isso também o permitirá armazena-la.
      OK.
      São particularidades da bebida.
      Boas cervejas.
      Forte abraço.
      Súde!!!
      Breda

      Excluir
  31. Bom dia Breda, li teu material 4 anos depois de escrito mas que com certeza até hoje tem total validade!

    Tenho uma dúvida em relação à utilização de carbonatação forçada no Mini-Keg, eu tenho alguns que já possuem a torneira próximo à base do Mini-keg, comprados na WE mesmo e venho realizando a carbonatação por Priming nestes mas gostaria de fazer com carbonatação forçada.
    Minha dúvida é: Como conectar a tubulação do tanque de CO2 no mini-keg para realizar a carbonatação de fato? Alguma adaptação à válvula superior do mini-keg para conectar a mangueira? E após a carbonatação realizada, como desconectar a mangueira e tampar com a válvula? Retiro a mesma (trocando a ponteira) e recoloco? Já pesquisei bastante sobre isso mas não encontro ninguém que recomende esse método ou que já tenha realizado a experiência.

    Obrigado!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá. Como vai BF?
      Obrigado pelo comentário e pelos elogios.
      Vamos lá, você pode sim carbonatar forçado, precisa somente ter cuidado com a pressão para não rasgar o barrilete.
      Não posso afirmar a pressão suportada, pois cada barrilete é diferente, costura, material, etc, além de que não sabemos o tempo de durabilidade dele e dependendo de como você cuida dele ele poderá apresentar problemas de oxidação, amassados, etc., que podem alterar esse limite de pressão suportado, OK.
      Para fazer a forçada você pode adaptr uma mangeira na torneira inferior mesmo, será mais fácil, use mangueira de silicone que pela flexibilidade pode ser mais fácil de vedar.
      Você pode também construir a extratora desta postagem e utiliza-la para pressurização e carbonatação.
      Forte abraço e boa sorte.
      Saúde!!!
      Breda

      Excluir
  32. Olá!! Li seu blog e gostei muito das postagens e da sua disponibilidade pra responder as duvidas, os cervejeiros iniciantes agradecem!! Meu marido e eu estamos fazendo cerveja a pouco tempo e gostaria de sua ajuda: temos uma chopeira, com a de bar, com todo o equipamento dela, e adquirimos um barril de 50l recentemente. Gostaríamos de utilizá-lo pra tirarmos nossa cerveja na chopeira. Daria pra colocar inicialmente pouco volume, por exemplo 10 l, pra experimentar, no barril de 50 l? Pois temos medo de fazer muito e perder o volume todo.Ou não ficaria bom? Os cuidados seriam os já citados no seu texto? A válvula usada é a mesma que já vem na chopeira?Obrigada!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, tudo bem?
      Sim, você pode usar o barril com 10 litros de chopp sim, mas se nao consumir pode gerar supercarbonatação.
      A válvula do barril precisa ser igual a da sua choppeira, certifique-se, mas o padrão brasileiro é válvula S e normalmente os barris são assim.
      Sobre procedimentos, o que tem no Blog é suficiente para você.
      Abs.,
      Breda

      Excluir

Muito obrigado por seu comentário! O Blog "Breja do Breda" é feito pensando em você!